BMW confirma chegada da nova geração da X1 no Brasil

A BMW confirmou a venda par ao público brasileiro da nova versão da BMW X1. De acordo com as informações que forma divulgadas sobre o veículo, os consumidores já podem encontrar o veículo em pré-venda, sendo que todas as unidades que já podem ser encontradas na pré-venda são importadas. O carro deverá começar a ser fabricado no Brasil a partir do começo do ano de 2016, mas as unidades que serão montadas por aqui ainda não tem previsão de lançamento nas concessionárias brasileiras. A produção deverá acontecer na fábrica de Araquari, localizada no estado de Santa Catarina.

As unidades que desembarcarem para venda no Brasil deverão chegar com motores a gasolina, sendo que o preço cobrado pelo valor mínimo do carro deverá ser de R$ 166.950,00. Já o valor máximo, que deverá ser cobrado pela edição mais completa e com mais itens de série, deverá custar R$ 199.850,00.

Com a confirmação dos preços das novas versões, os consumidores acabaram encontrando um carro muito mais caro do que o modelo que atualmente está disponível no Brasil, já que o mais caro está saindo por R$ 158.950,00. Com isso, o preço que atualmente compra o modelo mais equipado do X1 não vai conseguir comprar nem a versão mais simples da nova geração.

De acordo com a BMW, as mudanças de valores são referentes justamente as atualizações que foram feitas tanto o visual quanto também no design do carro.

Mudanças

O novo modelo do X1 está um pouco mais alto e também mais largo do que o primeiro X1.  A posição de dirigir também subiu. Já com relação a sua dirigibilidade, uma das principais mudanças foi a tração, que agora é dianteira, e nas outras versões vendidas no Brasil era traseira.

O carro conta com um motor 2.0 biturbo, de 4 cilindros, que desenvolve 192 ou 231 cavalos de potência.

Honda City ganha versão mais equipada na linha 2016

Para quem esperava que a Honda teria apenas o novo sedã Accord no Brasil para os próximos meses, a montadora também confirmou o lançamento da linha 2016 do Honda City, com algumas novidades interessantes para os consumidores que não estavam muita coisa, uma vez que não foi anunciada nenhuma grande alteração significativa no veículo. De acordo com o comunicado da montadora, os consumidores que optarem pelo novo Honda City no ano de 2016 vão encontrar um veículo muito mais equipado do que os modelos anteriores. Esta mudança acaba fazendo todo o sentido, pois os principais concorrentes do veículo neste segmento contam com uma série de itens adicionais interessantes e que acabam pesando na hora da escolha.

Apesar do anuncio e da confirmação que os pacotes de itens dos modelos estarão mais recheados a partir do próximo ano, a Honda ainda não confirmou quais serão os preços praticados, afirmando que a tabela ainda não foi fechada para os carros cujas vendas começam apenas em fevereiro.

Vale lembrar que foram confirmadas apenas as mudanças em relação aos itens, já que o carro continua com a mesma configuração e também com o mesmo visual.

Pacotes de itens

Serão quatro versões do Honda City 2016 que poderão ser encontradas elo consumidor nas concessionárias autorizadas da Honda. O primeiro é um DX câmbio manual, que conta com os seguintes itens: parabrisa degradê, ajuste de profundidade da direção, chave canivete, iluminação do painel de instrumentos e do visor de áudio na cor branca, retrovisores na cor da carroceria, pino de segurança para tapete do motorista e cobertura nas caixas de rodas traseiras;

Já o modelo LX câmbio CVT conta com mesmos itens mais controle de áudio ao volante e acabamentos prateados;

O modelo EX CVT conta com os mesmos itens da LX, mas descansa braço;

O modelo EXL CVT conta com o mesmo conteúdo da EX, mais airbags de cortina e central multimídia com navegador.

Duster Oroch Promete dar Trabalho as Rivais

A Renault Oroch, chega com aposta em maior espaço interno para brigar com sua rivais. Se é para levar passageiro que seja com conforto, esta é sua aposta, ao entrar na picape é chocante como os passageiros de trás tem mais espaço interno que as demais da categoria. Com quatro portas de verdade, janelas com vidros elétricos, e mais conforto tanto em espaço lateral e nos joelhos, é como estar dentro de um Duster.

Mas seu diferencial e qualidades não esta somente ligada a mais espaço, a Oroch é muito mais bem equipada que as rivais da categoria. Possui central multimídia com GPS e ainda conta com piloto automático de serie, sendo que nenhuma outra da categoria possui.

Quando falamos de sua dirigibilidade, encontramos um carro com ótima posição de dirigir mais elevado, não como uma picape média, mas acima das da categoria, profundidade dos volantes é um ponto que faz falta uma regulagem, o que a no banco do motorista. Sua direção é hidráulica, mas nã0 lá estas coisas, comandos precisos na estrada, só que um pouco pesada no uso urbano.

Sua dinamica impressiona graças a sua a sua suspensão independente nas quatro rodas, o que garante um bom conforto para quem esta a bordo. Com curvas sem inclinação e uma bela sensação de total controle e estabilidade, tanto no asfalto quanto na estrada de terra. Sem se incomodar com buracos e e curvas. Seu ponto negativo fica pelo seu motor 1.6 com apenas 115 cv o que parece mais um carro 1.0. Ela chega de 0 a 100 km/h em 14 segundos e atingi uma velocidade maxima de até 164 km/h. Leve não sera o problema, mas pesada ai é preciso ser paciente, não adianta querer meter o pé e exigir do motor o que ele não ira resolver, procure mater o pé leve e ajustar as reduções. É possível resolver seu ponto negativo se optar pelo motor 2.0 Flex com 148 cv que chega de 0 a 100 km/h em 9,6 segundos. Assim ela fica mais rápida e mais prazerosa de dirigir .

VERSÃO CUPÊ DO CIVIC

A Honda também apresentou novidades no Salão de Los Angeles, entre elas a versão cupê do novo Civic. Com estilo totalmente inédito no mercado americano, o modelo complementa a décima geração da familia Civic  e tem previsão de chegada as concessionarias daquele país prevista para março do ano que vem. Modelo será oferecido com duas opções de motor: um 2.0 com comando variável i-VTEC e 158 cv na versão de entrada e um 1.5 turbo com 174 cv. No Brasil, o cupê deve seguir na versão  Si.

Se a dianteira permanece inalterada em relação ao sedã, com faróis afilados (que podem ser full led) ligados por uma larga barra cromada e capô com vincos pronunciados, a traseira se divide. O perfil esportivo causado pela caída do teto pronunciada classifica o modelo como um legítimo cupê, diferentemente do sedã, que tenta se passar por um cupê e termina com a traseira alta, levando a certo “peso” visual.  As lanternas são semelhantes entre os dois modelos, mas no cupê são integradas por uma barra vermelha, assim como no conceito que lhe deu origem. O para-choque reforça a aparência esportiva com a simulação de saídas e difusor de ar. Por dentro, nenhuma surpresa. O Civic cupê é idêntico ao irmão de quatro portas e também abandona o painel digital dividido em dois andares.

Enquanto as versões de entrada LX e LX-P serão equipadas com motor 2.0 i-VTEC de 160 cv de potência e 19,1 mkgf de torque, as seguintes EX-T, EX-L e a inédita Touring levarão o novo 1.5 turbo com injeção direta de 176 cv e 22,4 mkgf disponíveis a partir de 1.700 rpm. A configuração esportiva Si, única atualmente vendida na carroceria cupê no Brasil, será apresentada posteriormente. Rumores apontam que a configuração será dotada de um motor 2.0 turbo com potência acima dos atuais 206 cv.

Eficiência do Citroën Aircross

Cinco anos depois de seu lançamento no país, o  Citroën C3 Aircroos passa por sua primeira transformação. Com objetivo de se manter competitivo e atraente, para conseguir fazer frente com a chegada nos novos SUVs no mercado nacional, mesmo que não seja uma concorrência direta com eles.  Sua principal mudança visual esta na sua dianteira, com faróis de tipo parabola, com luzes diurnas de LED e também uma grande mais arrojada. A primeira vista o visual tem agradado, demostrando um ar de modernidade.

Em suas laterais e nas partes dianteiras e traseiras suas mudanças são mais discretas, limitadas em adesivos e detalhamento estético. Sua suspensão conta com novos ajustes, que permite maior absorção de impactos. Seu parachoque foi redesenhado com novos ângulos de entrada e saída (23 e 29,3 graus). Já a altura continua com os mesmos 194mm que sempre agradou.

Em sua parte interna, as mudanças são a atraente Central Multimídia com tela de 7 polegadas, com funções bem legais e simples, como camera de ré, sensor de manobras, Bluetooth, radio com entrada USB e memória interna de 16 GB e ainda navegação GPS e aplicativo Carplay Apple. Engenheiros da  Citroën, relata que é uma versão avançada do que equipa o C4 Picasso.

Em sua parte mecanica, o motor é o mesmo EC5 1.6 Flex Start, com 122 cv. Seu cambio esta vindo  com marchas com novas relações, o diferencial foi mais alongado para resolver um problema em que era muito criticado, o consumo de combustível, vamos ver se esta mesmo mais econômico agora.

Em seus teste os resultados foram os seguintes. A sua aceleração  de 0 a 100 km/h, foi feita em 12s6, uma marca que agrada grande parte. Seu consumo ficou o seguinte: cidade 7,3 km/l e estrada 9,7 km/l, seu consumo médio fica em 8,3 km/l, em nossa conclusão não esta tão econômico o veiculo como se esperava com os novos ajustes e mudanças no diferencial.

Dicas de revisão de carro antes da viagem

Quando as pessoas estão se preparando para sair em uma viagem mais distante de carro, elas precisam ficar atentos aos mais variados detalhes da viagem. Mas quando a viagem vai acontecer de carro, elas terão basicamente que incluir mais um item na lista de coisas que precisa fazer: a revisão completa do veículo. Afinal de contas, as viagens que acontecem, especialmente na época de férias, costumam exigir muito dos carros, mais do que a circulação dentro das cidades do dia a dia.

Para que a revisão realmente seja feita de uma forma a evitar ou reduzir as chances de que algum problema aconteça, existe uma lista de itens que precisam ser conferidos, sendo que alguns são considerados de extrema importância. É sempre importante lembrar que a revisão antes de qualquer viagem deve ser feita mesmo entre aquelas pessoas que estão acostumadas a viajar ou então aquelas pessoas que estão com todas as suas revisões programadas em dia.

Além disso, uma outra dica importante é  a seguinte: nunca deixe para fazer a revisão do seu carro na véspera da viagem. Muitas pessoas deixam para fazer isso no dia anterior, mas caso o veículo precise trocar alguma peça ou então realizar algum procedimento mais demorado, o motorista não terá tempo hábil. A grande maioria não cancela ou muda a data da sua viagem, e ele estará se arriscando nas estradas.

Revisão dos pneus

Além de dar uma olhada nas condições gerais de cada um dos pneus, é muito importante que as pessoas não deixem de incluir na revisão também o estepe. Caso sejam encontradas qualquer tipo de bolha nos pneus, é fundamental realizar a troca imediata da unidade, pois isso pode indicar algum tipo de dano estrutural. Um outro ponto que precisa chamar a atenção do motorista é o desgaste irregular na banda de rondagem, o que pode ser um indicativo de desalinhamento da suspensão.

Rodas

É importante revisar as rodas de ferro, procurando basicamente por amassados que podem estar comprometendo o desempenho de um modo geral.

Triângulo, macaco e chave de roda

Além de checar se estes itens realmente estão dentro do veículo, é fundamental saber se eles realmente estão em condições de uso caso seja necessário.

Fluidos

Lembre-se que na estrada o motor acaba trabalhando muito mais, por isso é importante checar o nível e a validade de todos os fluidos importantes para o carro, bem como os seus filtros.

Confira alguns dos melhores carros do ano de 2015

Quando se trata de carros, existem muitas pessoas que deixam a sua paixão dominar o assunto, como se estivesse falando de um esporte, por exemplo. Sempre existem algumas pessoas que acabam se afeiçoando a uma determinada marca ou então a um determinado modelo, por exemplo. Mas existem diversas mídias especializadas ao redor do mundo que dedicam um bom espaço para realizar as mais variadas análises, sempre com o objetivo de conseguir encontrar aqueles que podem ser considerados como os melhores carros de um determinado período. É claro que existem também as questões que envolvem as comparações, uma vez que fica complicado colocar no mesmo nível carros que possuem valores e finalidades completamente diferentes.

Mas algo que geralmente acaba sendo levado e consideração ao listar os melhores carros acaba sendo justamente a capacidade que estes veículos acabam tendo de inovar ou de surpreender, dentro da sua categoria. Confira então alguns dos carros que foram lançados no período 2014/2015 de que acabaram merecendo um destaque internacional.

BMW M235i

Este carro acabou aparecendo em diversas listas dos melhores veículos lançados neste ano de 2015, sendo considerado um veículo que realmente entrega uma condução destinada as pessoas que gostam de ter uma verdadeira potência em mãos. Ele é um carro conversível, que entrega ao motorista nada menos do que 326 cavalos de potência, mas que apostou no câmbio manual.

Volvo XC90

Apesar do carro ter sido considerado como algo “previsível” em termos de motorização, sem grandes novidades para o público, ele apresenta um item que acabou fazendo com que ele se destacasse diante de outros carros: sua cabine. Pode ser considerado como o veículo com uma das melhores cabines da indústria, especialmente pela inteligência do design pensado para o carro, bem como pela central multimídia que parece ter sido desenvolvida pela Apple.

VW Up! TSI

Este foi o carro que acabou conseguindo um bom destaque especialmente entre os modelos compactos lançados no último ano. São vários os motivos que fazem com que o Up consiga este lugar, tais como a dirigibilidade que entrega para o motorista e também o seu motor, que acabou deixando muitos dos seus concorrentes para trás.

Nissan Leaf

Este foi um carro que foi considerado por muitos avaliadores e especialistas como um dos melhores novos carros para se dirigir na cidade. Ele consegue ser ágil, confortável, e também conta com uma boa dose de diversão para os seus condutores.